an cerrada nuite riscou ua cerilha:
pa que naide acendira luç mais fuorte
todo fizo, a las scuras, pula sue.